Paraná prepara salto de qualidade na agropecuária

Ademar Traiano
O governo Beto Richa deu um passo fundamental para atender uma importante reivindicação do setor produtivo paranaense e dar início a uma verdadeira revolução na nossa produção agropecuária. Trata-se da criação da Agência de Defesa Agrocupeuária do Paraná (Adapar).


Com a Adapar as ações sanitárias desenvolvidas pelo Paraná deixarão de se concentrar apenas no controle e na fiscalização da produção animal e vegetal Passarão a funcionar também como parte importante de um processo para valorizar a produção agropecuária do Estado.

A qualidade sanitária já é um diferencial reconhecido dos alimentos produzidos no Paraná. O desafio é transformar esse predicado do nosso setor produtivo em resultados financeiros também diferenciados. Vamos converter o reconhecimento dessa qualidade em maior rentabilidade para o produtor, como destacou Beto Richa ao dar posse a diretoria da Adapar.

A Adapar terá como atribuição central promover a saúde animal e a sanidade vegetal, assegurando que a produção agropecuária paranaense passe ao largo de quaisquer barreiras sanitárias nos mais exigentes mercados globais. É uma responsabilidade e tanto, pois significa garantir ainda mais qualidade àquilo que já é reconhecido internacionalmente como padrão de excelência, prosseguiu o governador.

O governador Beto Richa destaca ainda que a criação da Agência vai modernizar o sistema de defesa sanitária estadual e garantir a oferta de produtos paranaenses de qualidade nos principais mercados do mundo.

A Adapar tem como um dos objetivos transformar o Paraná em área livre de febre aftosa sem vacinação. Essa é uma meta do nosso governo, assim como a recuperação do status sanitário da avicultura, a redução do uso de agrotóxicos e seus resíduos e a ampliação do número de estabelecimentos agroindustriais em condições de levar seus produtos a outros estados e a outros países.

Também mira a reconquista do mercado russo, aumentar a participação do Estado nas exportações brasileiras para a China e a abertura do comércio com a comunidade europeia. Um mercado problemático, caracterizado por forte protecionismo, mas cuja abertura ensejaria excepcionais perspectivas para a nossa agroindústria

Para atingir essas metas, o governador destacou que é fundamental a valorização dos profissionais que vão atuar na Adapar. Todos terão papel fundamental neste grande salto de qualidade que vamos implementar à produção agropecuária paranaense e na certificação dos nossos produtos.

A missão de conduzir a Adapar foi dada ao secretário nacional de Defesa Agropecuária de 2007 a 2010, o pesquisador do Instituto Agronômico do Paraná (Iapar) Inácio Kroetz. Ele terá como tarefa de fazer o Estado passar da condição de quem se limita a cumprir normas sanitárias para se transformar em uma referência nacional de qualidade.

O Paraná, que conseguiu produzir um salto extraordinário no investimento industrial no ano passado, com a atração de R$ 9 bilhões em investimentos, inicia um novo avanço. O ano de 2012 vai marcar o início de um salto de qualidade no agronegócio.

*Ademar Traiano é deputado estadual pelo PSDB e líder do governo na Assembleia Legislativa.

Ler 939 vezes
Entre para postar comentários
Top