Beto Richa libera 55 mil horas para contratação de docentes
Assessoria

O governador Beto Richa assinou na terça-feira (28) o decreto que autoriza as Instituições Estaduais de Ensino Superior (IEES) a utilizarem 55 mil horas/aula por semana para a contratação de docentes em regime especial por tempo determinado.

“É um grande esforço que estamos fazendo, num momento de profundos e necessários ajustes das contas públicas, para manter a normalidade no sistema de ensino superior”, destacou o governador.
O chefe da Casa Civil Valdir Rossoni enfatizou que houve uma difícil negociação interna na equipe de governo, uma vez que a orientação para todas as áreas do serviço público estadual é reduzir despesas. “O governador atendeu aos reitores e avançamos na questão das horas-aula para que nenhum aluno das nossas universidades seja prejudicado. Com esta decisão, esperamos que o ano letivo transcorra sem sobressaltos”, disse.

FORTALECIMENTO

Para o secretário da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, João Carlos Gomes, o governador Beto Richa foi sensível com às demandas apresentadas pelas sete universidades estaduais. “Mais uma vez o governador Beto Richa nos dá as condições necessárias para o fortalecimento das instituições estaduais de ensino superior. Todos podem trabalhar com tranquilidade e oferecer à sociedade paranaense o que se espera, que é o fomento ao desenvolvimento do Estado”, disse.

UNIVERSIDADES

As universidades estaduais estão autorizadas a manter contratos de docentes em regime especial conforme especificado abaixo:
Universidade Estadual de Londrina – 4 mil horas semanais
Universidade Estadual de Maringá – 15 mil horas semanais
Universidade Estadual de Ponta Grossa – 6.300 horas semanais
Universidade Estadual do Oeste do Paraná – 7.600 horas semanais
Universidade Estadual do Centro-Oeste - 10 mil horas semanais
Universidade Estadual do Norte do Paraná - 4.100 horas semanais
Universidade Estadual do Paraná – 8 mil horas semanais.

Lido 1011 vezes

Itens relacionados (por tag)

Entre para postar comentários
Top