Terça, 19 Dezembro 2017 09:07

Pesquisa aponta: 200 prefeituras do Paraná vão pagar 13º salário em parcela única, até 20 de dezembro

Escrito por
Prefeito Frank Schiavini Prefeito Frank Schiavini Prefeitura de Coronel Vivida

Pesquisa realizada pela CNM (Confederação Nacional dos Municípios) apontou que, das 395 prefeituras consultadas, 220 vão pagar o 13º salário dos servidores municipais em parcela única (55,7% do total).

Entre estas, 200 liberarão os recursos até 20 de dezembro. Outras 169 (42,8%) vão fazer o pagamento parcelado, das quais 151 vão quitar a segunda parcela até 20 de dezembro. O Paraná tem 399 municípios.

De acordo com a CNM, o pagamento do 13º salário injetará R$ 1,23 bilhão na economia paranaense, beneficiando 335.295 servidores públicos municipais. Seis municípios não responderam à pesquisa.

Ainda de acordo com a CNM, das 395 prefeituras ouvidas, 391 estão com os salários dos servidores municipais em dia. A folha de pagamento será quitada em dia, em dezembro, no caso de 358 cidades.

No Brasil, 4.146 (ou 93,5%) municípios responderam que as remunerações dos funcionários estão sendo pagas em dia. Os seis milhões de servidores municipais receberão R$ 20,3 bilhões neste final de ano.

A pesquisa consultou 4.434 dos 5.568 municípios brasileiros; no caso do Paraná, foram ouvidos 395 das 399 prefeituras. A sondagem foi feita entre 13 de novembro e 8 de dezembro pela equipe técnica da CNM.

Reforço do FPM

O 1º vice-presidente da AMP (Associação dos Municípios do Paraná), presidente da Amsop (Associação dos Municípios do Sudoeste do Paraná) e prefeito de Coronel Vivida, Frank Schiavini, destacou o esforço dos municípios para o pagamento do 13º salário. ?O reforço de 1% do Fundo de Participação dos Municípios será fundamental para ajudar as prefeituras a pagar este benefício aos servidores?, disse.

Liberado no último dia 7, o FPM será fundamental para o pagamento do 13º para 381 dos 395 municípios consultados, segundo a pesquisa. De acordo com a Lei nº 4.090 de 1962, o 13º salário corresponde a 1/12 avos da remuneração do trabalhador por mês trabalhado.

Caso não seja pago à vista, a parcela de seu adiantamento (metade do salário recebido pelo empregado no mês anterior, se ele tiver trabalhado 12 meses completos) deve ser paga até o último dia de novembro. A segunda parcela é o montante residual, descontadas as contribuições previdenciárias e tributos, e deve ser paga no mês de dezembro.

Lido 590 vezes
Entre para postar comentários
Top