Inter empata com São Paulo-RS, e Grêmio segue na zona de rebaixamento

Inter e São Paulo-RS empataram por 0 a 0, no domingo (18), por causa de seus goleiros. Marcelo Lomba e Nicolas fizeram defesas cara a cara com adversários e evitaram que o placar fosse aberto.

A igualdade fez ambos saírem com um ponto conquistado do estádio Aldo Dapuzzo, em Rio Grande, em resultado que manteve o Grêmio na zona de rebaixamento do Campeonato Gaúcho. Se o Inter vencesse a partida, o São Paulo-RS viraria penúltimo colocado, e o Grêmio deixaria a zona da degola. O empate levou o Colorado a 16 pontos na liderança da competição, com o mesmo número do Brasil de Pelotas, mas na frente devido ao saldo de gols. O Inter tem um jogo a mais que o Brasil de Pelotas e dois a mais que o Caxias, terceiro colocado. Já o São Paulo-RS tem sete na classificação e é décimo colocado.

A equipe de Rio Grande tem um ponto a mais que o Grêmio, que abre a zona de rebaixamento. Um primeiro tempo difícil para ambos os lados acabou igual em placar e chances. Nem Inter nem São Paulo conseguiram criar o suficiente para movimentar o placar. Erraram muitos passes e as disputas físicas pautaram as ações do jogo. O primeiro a assustar foi o time da casa. Um escanteio cobrado por Diogo foi cabeceado por Pedro. Marcelo Lomba saiu mal do gol e não achou nada. A bola entraria se não fosse a intervenção de Uendel, que afastou de cima da linha. Já o Colorado respondeu minutos depois, com Camilo encontrando Roger no ataque. O ex-botafoguense tinha Juan Alano entrando livre pelo meio, mas preferiu o chute ao passe e viu o goleiro Nicolas evitar o gol. Duas chances e nada mais em meio a uma profusão de lances que lembraram o amadorismo.

Lances cruciais só ocorreram no segundo tempo. Primeiro Thiago Silva que ficou cara a cara com Marcelo Lomba depois de um cruzamento e confusão na área do Inter. O camisa 12, que substituirá Danilo Fernandes, fora por lesão nos próximos 20 dias, se atirou e impediu o gol. Em seguida Nicolas impediu o gol de Gabriel Dias. O volante recebeu de Juan Alano livre, na entrada da área, bateu cruzado e o goleiro do time do Sul do Estado evitou o gol. Aos 47 do segundo tempo, veio a última chance do Inter. Marcinho ficou livre cara a cara com o goleiro, que defendeu de novo. O jogo marcou a estreia de Rodrigo Moledo em sua terceira passagem pelo Inter. O zagueiro mostrou estar longe do ritmo ideal. Parado desde que iniciou sua negociação para regressar ao Colorado, o defensor cometeu faltas e simplificou para não se complicar. Vez por outra chegou atrasado e cometeu faltas desnecessárias.

Lido 301 vezes

Itens relacionados (por tag)

Entre para postar comentários
Top