Imprimir esta página
Oficializado em Beltrão o primeiro CEJUSC do Brasil
Assessoria

Na Segunda-feira (18) foi oficializada a parceria da administração municipal de Francisco Beltrão com a Segunda Vara Cível da Comarca e a Associação Empresarial (ACEFB) para a implantação da primeira unidade no Brasil do Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (CEJUSC), que atua na recuperação empresarial.

O ato de assinatura aconteceu na sala de reuniões da prefeitura com as presenças do prefeito Cleber Fontana, do Juiz Antonio Evangelista de Souza Neto, da Segunda Vara Cível e idealizador do projeto, do empresário Tarsízio Bonetti, presidente da ACEFB, Assessoria e Procuradoria Jurídica da prefeitura, dentre outros.

“É algo que vem de encontro com o que sonhamos para desburocratizar e dar celeridade nas ações. Isso é necessário neste momento”, disse o prefeito Cleber. Na sua visão é um serviço que vai agilizar e desafogar o Judiciário. Para Tarsízio Bonetti o Cejusc viabilizará uma negociação justa e ajudará a salvar empresas e empregos.

O Juiz Antonio Evangelista disse que o principal objetivo é fomentar soluções amigáveis. “Francisco Beltrão será modelo para o Brasil no trabalho de recuperação empresarial e será o centro de capacitação deste programa para o país”, comentou o Juiz.

Segundo ele, o Cejusc permite que os empresários em situação de crise econômica possam renegociar suas dívidas sem precisar ingressar com um processo de recuperação judicial ou até mesmo falência, evitando a judicialização, o agravamento da crise e a discussão no âmbito pré-processual. Também informa que o custo é muito menor e os resultados serão mais proveitosos. O serviço já está disponível. Informações complementares podem ser obtidas na Segunda Vara Cível da Comarca.

Ler 100 vezes

Itens relacionados (por marcador)

Entre para postar comentários