Ações da Secretaria Municipal de Educação em tempo de Pandemia aos estudantes izabelenses

Em decorrência da Pandemia do Coronavírus, o mundo todo chama atenção para os cuidados essenciais à saúde humana, nossos hábitos cotidianos foram alterados neste momento para prevenção.

Entre essas alterações, houve a suspenção das atividades escolares em todo país.

Todos os setores e todas as pessoas se adaptaram a uma nova rotina. O isolamento social trouxe como consequências o fechamento das escolas, comércios com atendimento parcial e mudança de comportamento, tudo para evitar possíveis aglomerações.

Após o Decreto 3.192/2020 que suspendeu as aulas presenciais a partir do dia 20 de março e instituiu a modalidade de ensino “não presencial”, o município de Santa Izabel do Oeste, através da Secretaria Municipal da Educação, reorganizou as atividades escolares em todas as instituições da rede municipal de ensino utilizando-se de material impresso e das tecnologias como ferramentas essenciais e fundamentais na mediação escolas, famílias e alunos.

Na Educação Infantil, os professores apresentam sugestões de atividades às crianças com a colaboração dos pais ou responsáveis. Nesse momento a rotina de casa é permeada com orientações dos professores, o que torna o aprendizado importante para o desenvolvimento das crianças. Já no ensino Fundamental, a organização segue com grupos de waths app, nos quais ocorrem as interações constantes com professores, alunos e familiares. Os professores abordam conteúdos novos e orientam todas as atividades propostas no material impresso. Num período de aproximadamente 20 dias, os responsáveis retiram na escola, uma apostila, cujos materiais impressos foram preparados pelo professor para cada turma, sendo que essa dinâmica atinge 100% do nosso alunado e o retorno desse material é de extrema importância tendo em vista que o mesmo serve para registro de frequência e após a correção, considera-se como parte da avaliação do aluno. Atualmente no município, temos o LRCOM (Livro de Registro de Classe On line Municipal), que é preenchido com base nas retiradas e devoluções de material didático nas escolas provindos dos alunos.

Em se tratando da equidade social, a Secretaria Municipal da Educação preocupa-se com a realidade distinta das famílias, bem como a necessidade de oferecer um atendimento mais específico para alguns alunos, os quais são desprovidos de apoio de seus familiares por inúmeros fatores: pais analfabetos, baixa escolaridade dos avós, situações de vulnerabilidade e falta de acesso às tecnologias. Diante dessa realidade, apresentada por algumas famílias, as equipes pedagógicas, professores e psicóloga oferecem atendimento de forma mais específica, através de visitas domiciliares seguindo as recomendações da OMS, levando o material que lhe é de direito para que aconteça o pleno desenvolvimento da aprendizagem assim como ocorre com os demais alunos que tem essa assistência e acompanhamento familiar.

O município de Santa Izabel do Oeste também realiza as entregas dos kits da alimentação escolar através da Secretaria Municipal da Educação, tendo como critérios alunos cadastrados no Programa Bolsa Família e em situação de vulnerabilidade social.

Os kits são entregues quinzenalmente, compostos com produtos contidos no estoque e alimentos provenientes da agricultura familiar, priorizando produtos in natura, como frutas, hortaliças, tubérculos e raízes.

Todas as entregas foram realizadas nos espaços escolares e os kits foram retirados por um responsável da família do aluno seguindo as recomendações da Organização Mundial da Saúde.

A crise do Coronavírus nos ensinou, em poucos meses, o real valor de habilidades como a criatividade, comunicação, colaboração, resolução de problemas complexos e adaptabilidade bem como formas diferentes de olhar o próximo e principalmente de se colocar no lugar do outro. O retorno com certeza será celebrado por todos com muita alegria.

Ler 34 vezes

Itens relacionados (por marcador)

Entre para postar comentários
Top