Seminário em Salto do Lontra reuniu integrantes das associações de agricultores
Integrantes das associações de produtores rurais, presidentes, secretários e tesoureiros participaram dia 6 de dezembro do I Seminário da Integração em Salto do Lontra.
O objetivo do encontro foi proporcionar uma confraternização entre as 28 associações existentes no município e ao mesmo tempo esclarecer duvidas dos agricultores através de palestras. A primeira palestra do seminário foi proferida por Norton Rodrigues que abordou O Programa “A Casa em Ordem” quando enfatizou uma série de orientações sobre decretos, portarias, instruções normativas e toda a legislação que afeta a atividade agropecuária. A segunda palestra foi relacionada ao meio ambiente, com importantes informações destacadas pelo agrônomo por Silvio Krinski da FAEP. O agrônomo da Emater de Salto do Lontra Valdir Koch, comentou sobre a necessidade dos agricultores em administrar de maneira correta suas propriedades. À Tarde, os trabalhos tiveram continuidade com a coordenação do Banco do Brasil, onde foram discutidos com os participantes questões relacionadas à regularização da documentação dos imóveis. O Seminário foi promovido pela Administração através do Conselho de Desenvolvimento Rural, Emater, Sindicato Rural e outras entidades ligadas ao setor agrícola. O Prefeito Luiz Carlos Gotardi, salientou que nos dois primeiros anos de seu governo as Associações tiveram uma atenção especial, já que no inicio do seu mandato existiam seis associações devidamente constituída e que agora já são ao todo 28. Completou dizendo que boa parte destas associações já recebeu implementos que foram conseguidos graças ao empenho de deputados federal e estadual que viabilizaram verbas ao município. Luiz Carlos também afirmou que no próximo ano será dada uma atenção ainda maior a agricultura. Ele se referiu na aquisição de um caminhão caçamba e uma pá-carregadeira que irão auxiliar o Departamento Rodoviário na melhoria das estradas do interior. O Prefeito destacou que agora será priorizado ainda mais os investimentos no interior, especialmente nas estradas que dão acesso as propriedades dos agricultores que em muito tem contribuído com os impostos municipais.
Ler 629 vezes
Entre para postar comentários
Top