Saúde - Jornal Novo Tempo

Secretaria da Saúde divulgou nesta segunda-feira mais 1.040 casos e 44 óbitos. Informe relata que 849 pacientes estão internados. Pandemia chegou a 379 municípios.

Novas unidades estão em 50 hospitais e enfrentamento da pandemia já ampliou em quase 70% o número de UTIs existentes no Estado até março. A previsão é alcançar até 1,1 mil UTIs nos próximos dias, o que faria o Paraná praticamente dobrar a oferta de leitos especializados.

Nova classificação da Open Knowledge Brasil sobre a divulgação de dados referente ao combate à Covid-19 tirou mais de 50% dos estados do conceito máximo.

A Secretaria de Estado da Saúde divulgou, terça-feira, 725 novas confirmações e 27 mortes pela infecção causada pelo novo coronavírus no Paraná.

A Secretaria de Estado da Saúde divulgou ontem o boletim quinzenal com os números da dengue no Estado: são 212.074 casos acumulados desde o início do período epidemiológico, em agosto do ano passado.

O boletim quinzenal da dengue divulgado terça-feira (30) pela Secretaria da Saúde do Paraná apresenta sinais de redução dos índices da doença no Estado.

Neste momento precisamos reativar o isolamento social para garantir que o sistema de saúde não entre em colapso.

Decreto emitido nesta terça-feira (30) propõe ações rígidas que devem ser adotadas em municípios onde estão concentrados 75% dos casos de infecção. Documento estabelece que apenas serviços essenciais podem continuar funcionando normalmente.

É a sexta semana sem registro da doença. É necessário um período de 90 dias sem novos registros para que o Estado saia da situação de surto. Secretaria da Saúde mantém recomendação da vacina.

Nesta quinta-feira foram divulgados mais dez óbitos, o maior número registrado em um único informe epidemiológico, desde o início da pandemia, há 81 dias. Estado tem 327 novos casos e total é agora de 5.820 diagnósticos.

Página 5 de 107
Top