Enfoque Geral

O rumo das coisas - Estamos chegando na semana do carnaval e o país inteiro espera passar estas festas, para daí então, dar inicio de fato ao trabalho. Um pouco é verdade esta versão de que no Brasil, o ano só começa após o carnaval, mas a nossa região na verdade o povo realmente trabalha, desde o inicio até final do ano;

Ademar Traiano
O governador Beto Richa é filho de uma professora, dona Arlete. Aprendeu com a mãe, desde criança, a valorizar o magistério, a ter uma ideia exata da importância da educação e a conhecer os problemas da categoria.

Odilon Medeiros*
O Dia internacional das mulheres se aproxima. Que tal fazer algumas reflexões sobre o papel da classe feminina nas organizações?

VIDA DOMADA

Juarez Alvarenga
Conforme a idade a vida apresenta seu perfil. Desarrumada, desvairada e arrumada são algumas de suas peculiaridades. Em cada existência humana ela flutua com o tempo. A vida é como uma cor de uma pintura que com o decorrer do tempo vai perdendo sua tonalidade, cabendo a nós retocar sempre.

Os homicídios do Brasil

Mario Eugenio Saturno
Passei minha infância durante os anos gloriosos da ditadura, do “milagre brasileiro”. Durante a década de 70, nosso país era visto como uma superpotência do futuro. No programa do Moacir Franco tinha até um quadro em que ele interpretava um usineiro de álcool que espezinhava o presidente Carter, dos Estados Unidos da América. Ironia das ironias, hoje, o Brasil importa álcool dos EUA. Eita erro federal! Literalmente...

Ademar Traiano
O Paraná foi o Estado brasileiro que registrou o maior crescimento industrial em 2011. A indústria paranaense cresceu 7% no ano passado, o maior aumento entre os 14 Estados monitorados pelo IBGE. Além de excepcional, esse desenvolvimento acelerado representa um contraste flagrante com mau resultado médio do crescimento nacional. Em média a indústria brasileira cresceu apenas 0,3% em 2011.

Bruno Peron Loureiro
O Programa Usinas Culturais é mais uma política que visa a dar utilidade ao âmbito da cultura como um meio de se resolver algum embaraço do desenvolvimento. Muitas vezes se tentam outros recursos antes de ancorar no subsídio cultural. Quando se resolve o problema, fica a pendência de situar o lugar da cultura fora de seu vetor de utilidade.

Em defesa do Matrimônio

Mario Eugenio Saturno
Em meus muitos contatos com evangélicos e protestantes procuro conduzir o debate para o que nos une, como por exemplo, a defesa da vida. Quase nunca sou bem sucedido, em geral, não querem união, mas divisão (em grego, diábolos). E como a defesa da vida, nestes dias funestos, necessita da união de todos os homens e mulheres de bem. A começar pelo gerador, matriz, em latim, donde matrimônio (sem possibilidade de geração, não se pode chamar de casamento esse tipo de união).

Ademar Traiano
Beto Richa participou, nesta quinta-feira (2), da abertura do ano legislativo da Assembleia e prestou contas de seu primeiro ano de governo. Mostrou que governa com obsessão pelo desenvolvimento, focado em gerar empregos, desenvolver os municípios, garantir saúde, educação e segurança.

CIVILIZAÇÕES MAC-COLA

Bruno Peron Loureiro
A crise que enfrentamos hoje não é financeira, mas civilizatória. É reducionista a afirmação de que a economia é culpada de tudo, como se ela fosse mais um atributo da natureza que regula as relações humanas. Das expressões de "comida-lixo" ao papel decepcionante das empresas por trás dos processos de transnacionalização, o déficit é das civilizações atuais.

Página 22 de 94
Top